Notícias / Notícias Brasil

VOCÊ PEGARIA?

Quatro pessoas são presas por pegarem dinheiro durante assalto em Criciúma 

O valor total do roubo ainda não foi divulgado. Você pegaria?

terça-feira, 01/12/2020, 11:15 - Atualizado em 01/12/2020, 11:47 - Autor: Com informações de UOL


Imagens compartilhadas nas redes sociais mostram pessoas pegando dinheiro nas ruas.
Imagens compartilhadas nas redes sociais mostram pessoas pegando dinheiro nas ruas. | Reprodução

Quatro pessoas foram presas em flagrante em Criciúma (SC), na madrugada desta terça-feira (1°), após furtarem parte do dinheiro abandonado nas ruas da cidade pela quadrilha que invadiu o município e assaltou uma agência bancária.

Noite de terror: assalto em SC teve bandido com bazuca e reféns para bloquear rua; veja o vídeo 

 

Dois suspeitos de 24 anos e outros dois de 27 e 28 anos devem ser encaminhadas ao Presídio Regional. O delegado responsável pelo caso, Ulisses Gabriel, informou que com os quatro detidos foram encontrados cerca de R$ 810 mil.

O agente da Polícia Civil informou que o grupo não teria ligação com a quadrilha que assaltou o banco. Além disso, a polícia encontrou espalhado pelas ruas cerca de R$ 300 mil.

“Eles acabaram se aproveitando do momento, pelos indícios que nós colhemos no local. Estão sendo presos neste momento e serão encaminhados para o Presídio Regional de Criciúma”, afirmou Gabriel.

Segundo a polícia, foi levado o dinheiro do cofre, que era o alvo do grupo de criminosos. O valor total do roubo ainda não foi divulgado. A explosão provocada durante a ação danificou estrutura da tesouraria regional, que fica anexa a uma agência bancária, no Centro do município.

Além disso, o bando fortemente armado provocou incêndios, bloqueou ruas e acessos à cidade, atirou contra o Batalhão da Polícia Militar, usou reféns como escudos. Durante a ação, que durou pouco mais de uma hora, os criminosos efetuaram diversos disparos. Duas pessoas ficaram feridas: um policial militar e um vigilante.

Conteúdo Relacionado


4 Comentário(s)

Exibir mais comentários

MAISACESSADAS