Pará

É bicampeão: Remo supera desvantagem e leva o Parazão. Veja os gols

domingo, 21/04/2019, 18:22 - Atualizado em 21/04/2019, 23:36 - Autor:


Após abrir o placar nos minutos iniciais do primeiro tempo, foram mais 5 chances reais de ampliar o placar. O Clube do Remo entrou com a desvantagem da derrota de 1 a 0, da primeira partida contra o Independente, na final do Campeonato Paraense. Mas neste domingo (21), o time azulino passou por cima disso e virou o placar, se tornando bicampeão da competição.



VEJA IMAGENS DA PARTIDA NA GALERIA


No retorno de Yuri Naves ao Leão, ele fez questão de destacar a importância do clube na sua carreira. “Eu disse no vestiário: o que importa não é ser bom, é ser campeão. A camisa do Remo cai bem em mim e eu fiz o gol”, contou o volante.


Certamente o gol mexeu com a postura do Galo, que demonstrou que estava ainda na disputa, afinal o placar colocava os dois times empatados nas somas dos resultados. O primeiro tempo foi bastante disputado.



Na etapa final, os times voltaram mais apáticos. Porém, quem teve bastante trabalho foram os goleiros Redson e Vinicius. Jogadores sentiram o cansaço e tudo caminhava para a disputa das penalidades. Aos 21 minutos, entretanto, Emerson Carioca deu lugar para Alex Sandro, que aos 40 minutos ampliou o placar de forma belíssima. Ele limpou e invadiu a área adversária, chutou com precisão e carimbou a rede do Galo.


O Clube do Remo se tornou Bicampeão Paraense,  recebendo R$ 212.889,60. O Independente, vice campeão, recebe o valor de R$159.667,20.


FICHA TÉCNICA


CLUBE DO REMO: Vinícius; Geovane, Kevem, Marcão e Rafael Jansen; Djalma (Diogo Sodré), Yuri, Mário Sérgio e Douglas Packer (Ramires); Gustavo Ramos e Emerson Carioca (Alex Sandro). Técnico: Márcio Fernandes


INDEPENDENTE: Redson; Daelson, Charles (Kabecinha), Dedé e Mocajuba; Jarí, Chicão, Renatinho e Araújo; Joãozinho e Mandi (Davi Caça-Rato). Técnico: Charles Guerreiro.


Local: Mangueirão.


Horário: 16h.


Árbitro: Dewson Fernando Freitas da Silva.


Auxiliares: Márcio Gleidson Correia Dias e José Ricardo Guimarães Coimbra.


Cartão Amarelo: Kevem, Charles, Jari, Rafael Jansen, Gustavo Ramos


(DOL)

Conteúdo Relacionado


4 Comentário(s)

Exibir mais comentários

MAISACESSADAS