Esporte / Esporte Pará

PROCESSO

Remo é condenado a pagar mais de R$240 mil à empresa 

segunda-feira, 06/04/2020, 15:31 - Atualizado em 06/04/2020, 15:31 - Autor: Diário Online


| Arquivo/ Diário do Pará

Entre os inúmeros problemas do Clube do Remo em meio a pandemia do coronavírus, mais um surge: um processo na justiça que envolve além do clube, a sua ex-fornecedora de material esportivo, Topper, e a empresa O J Comunicação e Publicidade S/S Ltda, intermediadora do contrato.

O condenação ocorreu no Tribunal de Justiça de São Paulo. Com isso, o clube do Remo tem que desembolsar mais de R$240 mil à contratada O J Comunicação. R$80 mil por cada ano de vigência do contrato, mais 1% de juros monetariamente corrigido, sem contar os 10% do faturamento anual do clube referente à comercialização dos produtos da Topper.

Veja o documento abaixo:

Reprodução
 

Entenda o caso:

Remo e Topper firmaram contrato em julho de 2016, com término em dezembro de 2019. Em meio à transação, o Leão, na época o presidente era André Cavalcante, assinou também com a empresa O J Comunicação e Publicidade com a finalidade de dar celeridade no fechamento do contrato. Com isso, a empresa levaria 10% de tudo que o Remo arrecadasse com a venda das camisas e outros materiais esportivos.

O DOL entrou em contato com a assessoria jurídica do Clube do Remo e não obteve retorno. 

Conteúdo Relacionado


4 Comentário(s)

Exibir mais comentários

MAISACESSADAS