JUSTIÇA

Justiça nega pedido de Xuxa para retirar Sikêra Jr. do ar

A reinha dos baixinhos, foi chamada de pedófila e acusada de fazer apologia às drogas pelo apresentador, recorreu da decisão

sábado, 21/11/2020, 16:43 - Atualizado em 22/11/2020, 08:32 - Autor: Com informações Notícias da TV


O juiz também vetou o pedido da apresentadora para que o caso passe a correr em segredo de Justiça.
O juiz também vetou o pedido da apresentadora para que o caso passe a correr em segredo de Justiça. | Reprodução

A Justiça do Estado de São Paulo negou em primeira instância, na quarta-feira (18), o pedido de Xuxa para retirar o programa "Alerta Nacional", de Sikêra Jr., do ar após ter sido chamada de pedófila e acusada de fazer apologia às drogas pelo apresentador. 

De acordo com informações do site Notícias da TV, a eterna rainha dos baixinhos, havia entrado com ações para que o jornalista perdesse o registro profissional, assim como por sua demissão da Rede TV! - além de uma indenização de R$ 500 mil.

O juiz César Peixoto entendeu que a liminar não continha argumentos suficientes para banir o noticiário e argumentou que a solicitação pode configurar censura.

"Processe-se o recurso, sem efeito suspensivo, diante da ausência de plausibilidade dos argumentos articulados, sobretudo porque eventual exagero do conteúdo das informações/reportagens dependeu de avaliação futura e mais aprofundada, sem embargo da possibilidade, em tese, da retirada do programa do ar, sob pena de censura prévia", diz trecho da decisão. 

VEJA TAMBÉM!

Xuxa recorreu da decisão no início da noite de quinta (19). O juiz também vetou o pedido da apresentadora para que o caso passe a correr em segredo de Justiça.

Conteúdo Relacionado


4 Comentário(s)

Exibir mais comentários

MAISACESSADAS