POR LINHAS TORTAS

Arthur Nogueira lança primeira parceria com célebre letrista do Clube da Esquina

quinta-feira, 30/07/2020, 08:33 - Atualizado em 30/07/2020, 18:59 - Autor: Lais Azevedo


| Ana Alexandrino/Divulgação

Depois de letras escritas por Fernanda Takai para “Pontal” e Zélia Duncan para “Dessas Manhãs Sem Amor”, o cantor e compositor paraense Arthur Nogueira apresenta sua primeira parceria com Ronaldo Bastos. O autor de clássicos como “Nada Será Como Antes”, com Milton Nascimento, e “Um Certo Alguém”, com Lulu Santos, escreveu para a melodia de “Por Linhas Tortas”, que chega hoje, 30, com distribuição da Tratore, nas plataformas musicais. E terá show de lançamento, dia 1º, na plataforma Zoom.

“Eu sou muito fã do Ronaldo. É impressionante a obra que ele tem, uma obra muito plural. É raro um brasileiro que não tenha pelo menos uma canção do Ronaldo como trilha sonora de sua vida. Eu tenho várias, e por isso me sinto tão contente com nossa amizade e nossa parceria”, comenta o cantor. Os dois se conheceram em 2013, quando Arthur realizou seu primeiro show no Rio de Janeiro. “Ele disse que gostou muito do show, o que já foi maravilhoso. Depois, passamos a nos corresponder virtualmente”, conta.

A maioria das canções do paraense também têm os direitos administrados pela Dubas, editora de Ronaldo Bastos. E, em outubro de 2019, durante um encontro com ele em São Paulo, foi o compositor fluminense que questionou quando fariam uma canção juntos. “Fiquei pensando em uma melodia, cheguei a mandar uma para ele. Fazer uma parceria assim é sempre um momento de muita ansiedade, pensar o que a pessoa vai escrever para aquela melodia que você criou, o que ela vai despertar nele”, comenta Arthur.

Ronaldo também encontrou o esboço de uma letra e enviou ao paraense para ver se ele gostava. “Eu gostei e acabou sendo toda a primeira parte da canção, fiz a melodia do primeiro trecho e depois criei outra parte, que virou o refrão; então mandei de volta para o Ronaldo fazer a letra. Foi uma música feita em muitos lugares, na verdade”, conta o artista. A primeira parte enviada pelo parceiro foi musicada em Belém. Depois, em viagem a Paris, para apresentar seu show de voz e violão, Arthur teve a inspiração para compor o refrão.

Quando os versos do refrão chegaram, o paraense já estava de volta a São Paulo, onde reside. E lá, fez um registro completo no gravador, dando forma final à música, entre mensagens e telefonemas com Ronaldo. Assim como os demais singles que Arthur Nogueira apresentou no primeiro semestre, “Por Linhas Tortas” foi gravado majoritariamente em Belém - onde está em isolamento desde março -, sob a produção musical de STRR, que o ajudou trabalhar especialmente com sintetizadores e programações.

“Eu estava com vontade de voltar a esses elementos da música eletrônica, mas de uma forma mais leve, diferentes dos meus discos anteriores, ‘Sem Medo Nem Esperança’ (2015) e ‘Presente’ (2016), que são mais experimentais”, explica. Além disso, ele contou com a participação do trompetista Diogo Gomes. “Fiquei tão animado com ‘Por Linhas Tortas’ que convidei o Diogo para criar um arranjo de flugelhorns, que me remete às canções do Stevie Wonder e à fase oitentista do Ronaldo”, conta Nogueira.

Lançamento abre série de shows temáticos on-line em agosto

O single dá prosseguimento ao novo projeto autoral do artista, que consiste em canções inéditas realizadas com o Prêmio de Produção e Difusão Artística, da Fundação Cultural do Pará. O lançamento conta com um show on-line, dia 1º, às 20h, e que também será o primeiro de uma temporada de apresentações através da plataforma Zoom. Cada encontro com o público será norteado por um tema e com um repertório diferente, sempre aos sábados, durante o mês de agosto. Os ingressos e passaporte estão à venda no site do cantor.

Arthur e Ronaldo Bastos: composição dividida entre cidades
Arthur e Ronaldo Bastos: composição dividida entre cidades Rodrigo Ferdinand/Divulgação
 

“A gente está atravessando uma crise no setor artístico porque nossa atividade pressupõe aglomeração. Fiz várias lives nesse tempo, mas chega um momento que, bem, é nosso trabalho e precisamos manter. Então pensei nessas apresentações como um show em um teatro, as pessoas vão se reunir numa sala e assistir. Haverá uma boa estrutura de som, cenário diferente para cada show. É ótimo porque, como é um grupo restrito, tenho um roteiro de músicas, mas, ao final, quero conversar, de repente atender pedidos”, adianta.

O primeiro show traz um repertório de canções pop românticas, conhecidas do público e inéditas em sua voz. As baladas que o artista aprendeu no rádio dão o tom do roteiro, que inclui ainda suas composições recentes com Fernanda Takai e Zélia Duncan. O segundo show, dia 8, às 21h, recebe o nome da canção “Noite”, e será dedicada aos poetas, indo de Lucrécio ao ultrarromantismo, do cabaré de Brecht às baladas de Cazuza.

A poesia homoerótica latina surge no show “Onda”, dia 15, às 21h, norteado pela canção homônima, de Arthur Nogueira e Antonio Cicero. Com repertório próprio e releituras, o artista traz versos atribuídos a Safo, Teógnis e Anacreonte, contribuindo com os debates contemporâneos sobre sexualidade e liberdade. E encerra com “Asas”, dia 22, às 21h, dedicando-se às vozes femininas, com canções suas gravadas cantoras como Cida Moreira e Gal Costa.

FIQUE LIGADO

- Arthur Nogueira lança “Por Linhas Tortas”, parceria com Ronaldo Bastos

Quando: Hoje, nas plataformas digitais de música.

- Temporada de shows

Quando: Todos os sábados de agosto (1, 8, 15 e 22);

Onde: Plataforma de conferência online “Zoom”;

Quanto: R$ 30 (cada) ou R$ 100 (passaporte para os 4 shows), à venda no site

Conteúdo Relacionado


4 Comentário(s)

Exibir mais comentários

MAISACESSADAS