X

Destaques no DOL

REVOLTA

População invade quartel da PM e ateia fogo em acusado de estuprar e matar adolescente

POSTADO EM: Segunda-Feira, 09/07/2018, 16:29:28
ATUALIZADO EM: 09/07/2018, 16:29:28

zoom_out_map
Reprodução

Um jovem identificado como Gabriel Lima Cardoso, de 18 anos, morreu neste domingo (8) após populares o retirarem de dentro de um quartel da Polícia Militar, o espancarem e atearem fogo nele. Gabriel era acusado de ter estuprado e matado a facadas uma adolescente de 14 anos. O caso ocorreu no município de Borba, no Estado do Amazonas.

De acordo com informações do portal A Crítica, Gabriel teria estuprado e matado uma adolescente com 16 facadas, no último dia 04 de junho. Ele estava foragido desde a data do crime.

Ao ser detido, a população do município invadiu o quartel da Polícia Militar, retirou o jovem de dentro do local e o espancou com golpes na cabeça, além de pedradas, pauladas e chutes.

Por fim, os populares jogarem o jovem, inconsciente, sobre um pneu em chamas no meio da rua.

Segundo a Secretaria de Segurança Pública do Amazonas, alguns policiais chegaram a ficar feridos ao tentar impedir o avanço da população.  

(Com informações do portal A Crítica)



COMENTÁRIOS mode_comment

EXIBIR COMENTÁRIOS

Fim da consulta. Deseja realizar uma busca? Clique Aqui

Aguarde, carregando mais notícias...