LA BELLEZA MUNDIAL

Paraense defende Brasil em concurso internacional

POSTADO EM: Sábado, 19/01/2019, 09:31:26
ATUALIZADO EM: 19/01/2019, 09:53:54

zoom_out_map
Divulgação

Com apenas 16 anos de idade, a paraense Nayara Anielle Barreto Santos é uma das concorrentes ao concurso Miss Eco Tur Brazil Internacional 2019 e ao Miss Continentes del Mundo, que ocorrerão com etapas em abril e julho deste ano, no Peru, em Arequipa, cidade considerada Patrimônio Cultural da Humanidade, dentro do Festival de La Belleza Mundial. Ela será apresentada oficialmente como a representante brasileira na disputa, em uma cerimônia nesta segunda-feira, 21, no Hotel Tulip Inn, com a presença de colaboradores e autoridades do estado. 

Os concursos - apesar de um deles ter “Brazil” no nome - contam com a presença de 60 representantes de diversos lugares do mundo. Mas Nayara é tida como uma das favoritas, pela história do Brasil no concurso – o país levou os títulos de 2009 e 2010 – e pela população de cerca de dois mil brasileiros em Arequipa.

Nayara concorre sob a direção de Juan Manoel Pereira. Apesar da pouca idade, ela não é estreante em concursos de beleza. Foi Miss Eco Turismo Internacional 2018, Miss Pará 2017 e Miss Teen Brasil Simpatia 2017. 

Mesmo assim, ela conta que já iniciou uma grande preparação que envolve corpo, mente e espírito. “Estou fazendo dieta, tratamentos estéticos em clínica, vou ao nutricionista regularmente, me preparando para este momento tão importante”, conta a adolescente, que ainda é estudante do ensino médio e teve ajustar a participação à rotina escolar. “O concurso vai acontecer no Peru, com etapas em abril e julho. Como será facultativa a participação em abril, eu só vou para o Peru em julho, quando vou estar de férias”, afirma.

Nayara sonha em ser atriz e modelo, mas não dispensa faculdade e diz que não se deve esquecer das raízes

Sempre muito desinibida, comunicativa e ligada às artes, Nayara chamou a atenção dos jurados para participar da competição internacional. “Alguns amigos do meu coordenador Herculano Silva, me escolheram por causa da minha desenvoltura e da minha performance teatral. Minha simpatia cativa muito. Eu posso ter tudo isso, mas sempre dou importância às coisas simples. Estou megafeliz por tudo isso e me esforçando muito para trazer esse título para o Brasil”, afirma.

Toda articulada, Nayara diz que desde criança tinha esse jeito que atrai os olhares. “Sempre fui muito extrovertida, sempre gostei de fazer parte dessa área artística, de teatro e de dançar”, diz ela, completando que tudo isso a ajudou a ver o mundo de uma maneira diferente das meninas da mesma idade. “Toda essa trajetória me deu essa maturidade para ver que estou preparada para o concurso”, acredita.

Quando ela foi coroada Miss Pará 2017, diz que, mesmo surpresa, estava realizando um sonho. “Quando você é eleita a dedo, eles te querem e você tem a opção de dizer não. Mas o Miss Pará sempre foi um sonho e eu gosto de encarar desafios. Competi com várias pessoas e fiquei muito surpresa, mas alegre”, diz.

Ainda assim, fora das passarelas, Nayara tem outros grandes planos para o futuro. Preparando-se para o Exame Nacional do Ensino Médio- Enem, ela quer cursar uma universidade. “Penso em fazer Jornalismo ou Artes Cênicas em São Paulo, mas meu maior desejo é ser atriz”, frisa.

Fã-clube, ela já tem. Com milhares de seguidores na internet, Nayara diz que se tornou “digital influencer” há alguns meses e que quando concluir a escola, quer manter também a carreira de modelo com as demais atuações. “Estou fazendo o possível para conciliar sempre. Sempre minha família me incentivou a seguir desse modo. Minha mãe é uma batalhadora, tento me inspirar nela para ser alguém melhor. Minha avó também é uma grande fonte de inspiração, neste caso, pelo teor religioso. Penso que temos que colocar Deus em primeiro lugar e nunca esquecer nossas raízes”, considera.

(Wal Sarges/Diário do Pará)



COMENTÁRIOS mode_comment