SANEAMENTO

Tenoné: obra inacabada causa transtornos aos moradores

POSTADO EM: Sexta-Feira, 14/09/2018, 07:08:25
ATUALIZADO EM: 14/09/2018, 07:11:13

zoom_out_map
Ney Marcondes

Uma obra inacabada tem tirado o sossego dos moradores da Rua Quinta Linha, no bairro do Tenoné, em Belém. Relatos de quem mora na área apontam que os trabalhadores da obra pararam de ir, largando equipamentos e restos de materiais como tubulações, que junto com o lixo e o mato, ocupam boa parte da estreita pista. 
A obra começou no primeiro semestre do ano passado. Um trecho foi concluído, mas outro, iniciado em janeiro deste ano, não. A comunidade do entorno reclama do transtorno. “Ficamos tão alegres quando as obras começaram, mas agora ficamos só com a poeira, buracos e alagamentos. Quando chove é uma tristeza”, explica a comerciante Julia Souza.

CHUVA

Com a obra de asfaltamento sem fim, e tomada de mato e lixo, os próprios moradores precisam pagar para fazer a limpeza da rua (Foto: Neu Marcondes)

O trecho mais complicado está a partir da Rua São Manoel. Os moradores relatam que a chuva não precisa ser forte para a rua alagar trazendo mal cheiro e impedindo de seguirem com as atividades normais. Sem calçadas, a rua precisa ser dividida entre veículos, pedestres, tubulações e lixo, como explica Ana Pimenta, residente no local desde 2005. 

Ela diz que cansou de esperar pelo poder público municipal e resolveu pagar para limpar o trecho onde mora visando amenizar os impactos de uma possível chuva. “Não dá para esperar, nós é que sabemos o quanto somos prejudicados com esses matos crescendo e acumulando lixo. Para trafegar na rua é muito ruim. É o jeito ir para o meio da pista junto com os carros e ônibus”.

A reportagem do DIÁRIO entrou em contato com a assessoria da Secretaria Municipal de Saneamento (Sesan), mas não teve retorno.

(Josiele Soeiro/Diário do Pará)



COMENTÁRIOS mode_comment