DECISÃO

Cliente denuncia corte indevido de água e Cosanpa suspende cobrança

POSTADO EM: Quinta-Feira, 09/08/2018, 11:01:47
ATUALIZADO EM: 09/08/2018, 11:12:36

zoom_out_map
Via/WhatsApp

Gracinete Lobato, moradora do conjunto Cidade Nova 5, em Ananindeua, entrou em contato com o DOL para denunciar o que considerou um corte indevido do fornecimento de água na residência em que mora. Após ser acionada pela reportagem, a empresa garante que vai suspender a cobrança da taxa de religação e promete retomar o serviço ainda hoje.

De acordo com Gracinete, a conta estava com oito dias de atraso quando o fornecimento foi cortado na quarta-feira (8), dia em que costumeiramente faz o pagamento. Contudo, antes do filho retornar com o boleto pago, o registro havia sido desativado, o que levou a mulher a tentar resolver o problema.

"Eu liguei pedindo a religação e para minha surpresa me pediram um pagamento da taxa de religamento. Falei que eram só oito dias de atraso, mas disseram que eu teria de pagar 125 reais para ligarem de imediato ou 95 reais para ligarem em até três dias", relatou.

Comprovante de pagamento mostra que conta foi paga uma semana após a data do vencimento (Foto: Via/WhatsApp)

Ao ser contatada pelo DOL, a Cosanpa reconheceu o erro e confirmou a retomada do serviço na casa de Gracinete através de nota.

"A Cosanpa esclarece que o corte foi indevido e pede desculpas ao cliente. O abastecimento de água será religado ainda nesta quinta-feira (9) sem a necessidade do pagamento de taxas".

(DOL)



COMENTÁRIOS mode_comment