TV. ENÉAS PINHEIRO

Infrações de trânsito e ameaça de flanelinhas são rotina no bairro do Marco

POSTADO EM: Sábado, 26/05/2018, 18:52:44
ATUALIZADO EM: 26/05/2018, 18:52:44

zoom_out_map
Reprodução Google Maps

Na travessa Enéas Pinheiro, entre as avenidas Almirante Barroso e João Paulo II, bairro do Marco, as regras de trânsito e urbanidade são diariamente desrespeitadas: segundo denúncia, vários motoristas trafegam usando a contramão na via; estacionam à 90°, sob orientação de flanelinhas, ao contrário da sinalização que indica fila indiana; e também realizam fila dupla de estacionamento.

Além das irregularidades de trânsito, o denunciante também afirma que o grupo de flanelinhos que atuam no trecho ameaçam e constrangem os condutores diariamente.

Para piorar a situação, a última fiscalização feita pela Superintendência Executiva de Mobilidade Urbana (Semob) na área foi realizada no mês de fevereiro, segundo a denúncia.

Posicionamento

Por meio de nota, a Prefeitura de Belém informou que a “tv. Enéas Pinheiro, no perímetro citado, está entre as vias de fiscalização constante por parte dos agentes da Superintendência Executiva de Mobilidade Urbana de Belém. A via foi recentemente ressinalizada, delimitando de forma clara a parte do estacionamento em fila indiana e a parte em que é permitido estacionamento a 45°”.

A Prefeitura diz ainda que o trecho “é rota regular das equipes de fiscalização exatamente pelo excesso de infrações cometidas”.

“Dados da fiscalização mostram que moradores e pessoas que trabalham no perímetro citado são responsáveis pela maioria dos flagrantes feitos por agentes de trânsito na área, em especial estacionamento em discordância com a sinalização, em fila dupla, ou mesmo tráfego no sentido contrário da vida, e sempre que flagrados os agentes atuam e removem o veículo, conforme determina a lei”, continua a nota.

“Quanto aos flanelinhas, a SeMOB destaca que eles são trabalhadores informais e, em algumas situações, são casos de segurança pública, e a legislação não imputa ao órgão de trânsito fiscalizar a atuação desses trabalhadores. A SeMOB ressalta que todo condutor habilitado sabe que não pode incutir a terceiros, incluindo flanelinhas, a responsabilidade por cometer uma infração de trânsito, e sempre que se sentir acuado por terceiros a estacionar em dissonância ao CTB o condutor deve acionar a polícia”, conclui o texto.

(DOL)

Clique e veja como está o trânsito em toda Belém nesse momento.




COMENTÁRIOS mode_comment