"A CABANAGEM VIVE"

Comunidade pede fim da violência durante caminhada no bairro da Cabanagem

POSTADO EM: Segunda-Feira, 26/03/2018, 23:01:39
ATUALIZADO EM: 26/03/2018, 23:01:39

zoom_out_map
Paulo André

E em meio a tantas notícias tristes sobre a violência que toma cada vez mais conta do estado, a comunidade do conjunto Paulo Fonteles foi às ruas na noite de hoje (26) em uma longa caminhada pedindo paz e, principalmente, fazendo um apelo aos líderes da segurança, no bairro Cabanagem, em Belém.

(Foto: Paulo André)

A caminhada foi pacífica e formada por moradores da área, seus familiares e representantes das igrejas próximas. O início da caminhada foi na última rua do conjunto e seguiu até um outro conjunto localizado na avenida Augusto Montenegro.

O manifesto pacífico foi formado por representantes de igrejas católicas e evangélicas, e foi mobilizado também pelos moradores. Em sua maioria vestindo branco e carregando uma faixa com os dizeres “Nossa Comunidade Pede Paz”, todos clamavam por uma única coisa: menos violência.

(Foto: Paulo André)

”A caminhada foi boa, pois foi uma forma de alertar os moradores da nossa comunidade sobre a violência. Nos últimos três anos foram mais de 13 mil mortes registradas no Pará, fora o número de policiais mortos só nesse ano. É uma triste realidade”, disse Paulo André, morador do conjunto Paulo Fonteles.

14 POLICIAIS MORTOS

No dia 2 de março o Diário do Pará contabilizou um número preocupante: até aquele momento já somavam 11 policiais militares assassinados no estado. A conta envolvia os municípios de Marituba, Santa Izabel do Pará e Belém.

(Foto: Diário do Pará)

Dias depois, mais precisamente no dia 11 de março, um sargento e um cabo da PM foram mortos. O 14º PM assassinado fechou a tabela na última quinta-feira (22), próximo do fim desse mês.

(DOL)

LEIA TAMBÉM



COMENTÁRIOS mode_comment