CORTE

Alunos ameaçam abandonar faculdade caso empresa demita professores

POSTADO EM: Quarta-Feira, 06/12/2017, 17:06:34
ATUALIZADO EM: 06/12/2017, 17:52:49

zoom_out_map
Reprodução

Os alunos da Faculdade Estácio ameaçam abandonar a instituição caso a empresa continue promovendo demissões em seu quadro de docentes. A instituição, que está presente em vários estados brasileiros e em todo território nacional através de cursos a distância, vai demitir cerca de 1200 docentes em todo o país segundo alunos e professores. No Pará, onde a Estácio está presente com dois campi, professores e alunos denunciam as demissões de cerca de 40 professores, e fazem um alerta: o número pode aumentar.

O grupo de acadêmicos fará um protesto, previsto para as 18h30 em frente ao campus da avenida José Malcher, para exigir a restituição de todos os profissionais demitidos. O movimento de alunos é nacional e a manifestação ocorrerá simultâneamente em outros estados brasileiros.

“A Estácio vai mudar o quadro de docentes porque os salários estão acima da média que eles desejam pagar, ou seja, irão substituir estes profissionais qualificados por professores menos qualificados. Nós não aceitamos e vamos exigir que estes profissionais sejam restituídos”, explica Emanuelle Assunção, aluna de Engenharia Ambiental da faculdade.

COM A PALAVRA: A FACULDADE

A reportagem entrou em contato com a faculdade Estácio, que confirmou as demissões, dizendo tratar-se de uma “reorganização em sua base de docentes”. A Estácio não informou o número de docentes que serão ou já foram demitidos. 

Ainda de acordo com a faculdade, o processo envolveu o desligamento de profissionais da área de ensino do Grupo e o lançamento de um cadastro reserva de docentes para atender possíveis demandas nos próximos semestres, de acordo com as evoluções curriculares. 

Atualmente a Estácio conta com cerca de 4.564 colaboradores administrativos e com um corpo docente de 7.719 professores, oferecendo 86 diferentes cursos presenciais e a distância de Graduação e Graduação Tecnológica. A instituição também oferta 110 cursos de Pós-Graduação latu senso, cinco cursos de Mestrado e três cursos de Doutorado.

(Igor Wilson)



COMENTÁRIOS mode_comment