zoom_out_map
(Foto: via Whatsapp)

Cadeirante sofre com falta de acessibilidade

Segunda-Feira, 10/07/2017, 13:18:06 - Atualizado em 11/07/2017, 16:08:34

Um flagrante de descaso e falta de acessibilidade em um ônibus de Belém indignou um passageiro, que entrou em contato com o DOL para fazer a denúncia, nesta segunda-feira (10), e pediu para não ter a identidade revelada.

No vídeo, o elevador que deveria garantir o serviço de transporte público para deficientes físicos não funcionou, e o cadeirante precisou da ajuda de outros passageiros e pessoas que estavam na parada de ônibus para embarcar.

"O motorista e o cobrador sequer desceram para ajudar", criticou o denunciante que gravou o vídeo. "As pessoas que estavam próximas foram que tiveram que ajudar. Onde estão os órgãos que deveriam fiscalizar essas empresas de ônibus?" 

Ônibus deveria estar fora de circulação

Em nota, a Prefeitura de Belém informou que o elevador destinado a cadeirantes ou pessoas com mobilidade reduzida deve ser operado pelos rodoviários, que recebem treinamento para tal.

Já a Superintendência Executiva de Mobilidade Urbana de Belém (Semob) informou que realiza fiscalizações nas garagens dos coletivos que compõe a frota de ônibus em Belém, e que cerca de 80% da frota que circula em Belém é acessível.

Quando um veículo não atende aos requisitos mínimos de trafegabilidade, este deve ser retirado e só pode voltar a circular quando se adequar.

Reclamações ou sugestões referentes à qualidade do transporte público podem ser formalizadas pelo Serviço de Atendimento ao Usuário da Semob pelo número 118 ou e-mail contato.semob@belem.pa.gov.br, informando o número de ordem do veículo, data, hora e local do incidente.

(DOL)





COMENTÁRIOS mode_comment