CRISE VENEZUELANA

Trump quer encontrar Maduro e líder venezuelano acena positivamente

POSTADO EM: Quarta-Feira, 26/09/2018, 22:21:24
ATUALIZADO EM: 26/09/2018, 22:21:24

zoom_out_map
Reprodução

O Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, afirmou esta quarta-feira (26) na Assembleia-Geral das Nações Unidas, que deseja encontrar com Nicolás Maduro, líder venezuelano, em breve.

As declarações do líder norte-americano surgiram quando este foi questionado sobre a situação atual da Venezuela. O Presidente dos EUA acredita que, se for ajudar o país da América Latina, o encontro com Nicolás Maduro pode ser uma oportunidade de as duas nações se entenderem.

“Se ele estiver aqui e quiser encontrar-se comigo… não tinha isso em mente, não era a minha ideia, mas se eu puder ajudar as pessoas, é para isso que estou aqui”, disse Trump e acrescentou: “Eu só quero ver a Venezuela endireitada. Quero que as pessoas fiquem a salvo. Nós vamos cuidar da Venezuela”.

A declaração de Trump se dá na semana em que os bens de Nicolás Maduro em território norte-americano foram congelados, juntamente com os de mais quatro figuras próximas do presidente, incluindo a sua mulher.

O líder venezuelano, que publicou uma resposta em seu Twitter enquanto se dirigia para participar da Assembleia da ONU, acenou positivamente e disse que, se for o jeito, falará com Trump.

Para além do encontro com o líder venezuelano, Trump anunciou também estar a preparar-se um novo encontro com Kim Jong-un, que está previsto para “um futuro próximo”.

De acordo com o Presidente dos EUA, a relação com a Coreia do Norte está “maravilhosa” e tem havido um “tremendo progresso”, desde que foi acordada a desnuclearização da Coreia do Norte.

(Fonte: AFP)

LEIA TAMBÉM



COMENTÁRIOS mode_comment