GASTRONOMIA

Estrela Azul: ainda dá tempo de saborear essas delícias!

POSTADO EM: Sexta-Feira, 16/11/2018, 09:37:13
ATUALIZADO EM: 16/11/2018, 10:11:59

zoom_out_map
Celso Rodrigues/Diário do Pará

O Festival Gastronômico Estrela Azul 2018 está quase terminando, mas quem ainda não desfrutou dos cardápios preparados especialmente para o evento poderá aproveitar este fim de semana. A maioria dos 26 estabelecimentos participantes da programação estará aberta para atendimento ao público.

Iniciado no dia 24 de outubro, o festival tem provocado uma grande procura aos restaurantes, indo muito além das expectativas dos proprietários. Em todos eles, o cardápio é o mais pedido pelos clientes que têm a oportunidade de comer bem por um preço mais acessível. Cada participante preparou um cardápio exclusivo, com entrada, prato principal e sobremesa a um preço de R$ 49,90.

Aliando sabor, bom atendimento, qualidade e bom preço, o Festival Estrela Azul deste ano se destacou pelo toque regional na grande maioria dos pratos. A servidora pública Andressa Calf, 27, já foi em três e ainda pretende ir a pelo menos mais dois até domingo. Apreciadora de uma boa comida, ela garante que o cardápio vale à pena e que cada estabelecimento tem uma característica própria na mistura de ingredientes e sabores. “É quase impossível falar qual é o mais gostoso, do italiano ao regional, tudo é muito saboroso e com um preço bastante interessante”, afirmou.Os participantes dizem que o festival cresceu muito em relação ao ano passado e que a ideia de facilitar o acesso a pratos de alto nível veio para ficar. “A repercussão no restaurante e nas redes sociais tem sido surpreendente. O público vem e pede bastante, não poderia ser melhor”, revelou Alexandre Barros, proprietário do Brasileirinho.

CLIENTELA

Outra questão positiva proporcionada pelo festival é a atração de novos clientes que vão em busca dos cardápios e acabam se tornando frequentadores do estabelecimento. A chef Daniela Martins, do restaurante Lá em Casa, diz que já vendeu mais de 400 pratos do Estrela Azul em menos de 25 dias. Metade da procura é por pessoas que vão em busca do cardápio do festival e outra metade de pessoas que querem uma opção de menu com uma boa comida, rápida e barata. “A demanda é muito grande porque o festival realmente acertou e está movimentando a cidade”, destacou.

(Leidemar Oliveira/Diário do Pará)



COMENTÁRIOS mode_comment