SÓ SUCESSO!

Diversidade gastronômica: Festival Estrela Azul transforma as noites de Belém

POSTADO EM: Quarta-Feira, 31/10/2018, 08:25:05
ATUALIZADO EM: 31/10/2018, 08:43:04

zoom_out_map
Wagner Almeida/Diário do Pará

Casa cheia e satisfação. É assim que tem sido os primeiros dias da 2ª edição do Festival Estrela Azul, que iniciou na quarta-feira passada (24). Muitos paraenses têm aproveitado a oportunidade de conhecer mais da gastronomia paraense. Os restaurantes que participam do evento promovido pelo DIÁRIO estão recebendo grande demanda e a clientela tem aprovado os cardápios preparados exclusivamente para o festival.

As noites no restaurante Famiglia Sicília, no bairro Batista Campos, em Belém, estão com movimento intenso. Segundo o metre Carlos Viana, o cardápio montado para o festival já faz parte da casa - pão de cebola na entrada e gnocchi recheado no prato principal. Mas a novidade está na sobremesa: brulee duo, que são barras de chocolate branco com sorvete de chocolate. O proprietário Fábio Sicília comemora a procura. “O festival sempre supera a demanda normal e a expectativa é superar o sucesso do ano passado”.

O casal Fábio Bezerra, 40, professor, e Erika Bezerra, 41, dentista, participam do circuito gastronômico desde o ano passado, quando conheceram quatro restaurantes da cidade. “Uma das razões é a combinação do preço com a oferta do cardápio. São os melhores restaurantes de Belém”, disse ela. Este ano, pretendem aumentar a lista e começaram pelo Famiglia Sicília. “Curtimos e aprovamos todas as experiências que tivemos. O festival também nos ajuda a conhecer outros lugares, como este, que tem a proposta de vinho de forma ampla e justa”, avalia Fábio.

As amigas Bianca Campelo, 26, contadora, Viviany Rosa, 26, servidora pública, e Ana Camila Gatinho, 25, professora, também pretendem experimentar outros cardápios neste festival. Elas, que já conhecem o projeto, também aproveitaram a oportunidade para se encontrar na noite da última quinta-feira (25), no restaurante Famiglia Sicília.

“Sempre reunimos um grupo de amigos e conhecemos restaurantes diferentes”, comentou Viviany. “Gosto muito dessa diversidade gastronômica. São excelentes opções”, acrescentou Bianca.

Carro-chefe da casa, vinho é incorporado à gastronomia do Grand Cru

No restaurante Grand Cru, localizado no bairro de Nazaré, o servidor público Bruno Souza, 38, e a juíza federal Carina Senna, 42, curtiram o jantar regado à música ao vivo e um bom vinho. O cardápio conquistou o casal, que participa do Festival Estrela Azul pela primeira vez.

“Achei legal a qualidade dos produtos, o nível dos restaurantes e o preço. Esse cardápio me surpreendeu”, avalia ele. “A sofisticação do prato, sabor e ambiente, estão excelentes. A ideia é conhecer um por semana”, disse ela.

Segundo Mayara Hamad, proprietária do Grand Cru, o cardápio degustado por Bruno e Carina traz para a gastronomia elementos que remetem ao vinho, que é o forte da casa: na entrada, vinagrete de uvas com anéis de lula grelhados; no prato principal, costela suína desossada ao molho agridoce de cebolas e malbec acompanhado de polenta cremosa; e, para finalizar, como sobremesa, mousse de manga com redução de vinho do Porto.

“O festival traz um público diferenciado. Tivemos casa cheia desde a estreia e esperamos fazer com que nossos clientes conheçam a nossa gastronomia além da adega”, comenta Mayara Hamad.

(Michelle Daniel/Diário do Pará)



COMENTÁRIOS mode_comment