zoom_out_map
(Foto: David Alves)

Melhores da Gastronomia serão premiados

Domingo, 26/03/2017, 08:33:09 - Atualizado em 26/03/2017, 09:08:21

Nesta terça-feira (28) Belém vai conhecer os melhores da culinária de Belém, nos mais diversos segmentos com a entrega da premiação Passaporte Belém, “O Melhor da Gastronomia”. Dezesseis jurados analisaram 129 participantes e escolheram os melhores em 23 categorias, que receberão o troféu “Estrela Azul”, uma espécie de selo de qualidade que confere o título de melhor de seu segmento.

O corpo de jurados é formado por personalidades da terra, jornalistas, profissionais liberais e apreciadores da boa mesa. O júri formatou um ranking gastronômico, onde puderam indicar seus favoritos em 23 categorias, que vão desde o melhor hambúrguer, passando pelo melhor açaí, peixaria, restaurante internacional, tira-gosto, sorvete, entre outras.

A primeira etapa da nova fase do projeto foi a publicação de cinco suplementos aos domingos a partir do dia 11 de dezembro do ano passado, onde estiveram presentes todos os estabelecimentos indicados pelo corpo de jurados. Posteriormente esses suplementos foram transformados num guia de bolso com todos os indicados, a ser lançado no mesmo evento.

Para prestigiar e movimentar ainda mais o setor gastronômico de Belém, o DIÁRIO inovou e decidiu promover esse ano uma inédita premiação aos campeões de cada categoria, que ganharão a Estrela Azul. Os primeiros lugares de cada categoria receberão o Troféu Estrela Azul e um certificado. Os segundos e terceiros lugares recebem um certificado.

Reconhecimento

Jader Filho, diretor-presidente do jornal DIÁRIO DO PARÁ lembra que até o surgimento do projeto “Passaporte Belém” pelo DIÁRIO em 2014 não haviam iniciativas locais ou regionais que valorizassem nossos bares, botecos, restaurantes e, principalmente, a riquíssima culinária paraense.

Ele lembra que a gastronomia é uma das grandes marcas do Pará assim como as riquezas naturais e o turismo, sendo reconhecida nacional e internacionalmente. “Temos grandes chefs e restaurantes fantásticos mas, até então, não havia nenhuma premiação que reconhecesse o trabalho e a criatividade dessas pessoas”, afirma. “Agora os melhores serão reconhecidos com uma Estrela Azul pela sua eficiência, criatividade e originalidade. Esperamos promover e movimentar o segmento”.

Para Klester Cavalcanti o projeto “O Melhor da Gastronomia”, além de ser um projeto para reconhecer e valorizar o trabalho de empresários do setor e chefes de cozinha, tem a função primordial de prestar um serviço pro leitor e para a sociedade. “Por meio do guia que vamos publicar, o leitor terá um briefing do que há de melhor na cidade em várias categorias, desde o restaurante popular, hamburguerias, churrascarias até os melhores vinhos e tira-gostos”, explica. “É mais um serviço interessante e moderno que o jornal vai entregar ao leitor”.

Ano a ano, iniciativa de sucesso

Iniciativa inédita do DIÁRIO DO PARÁ, o projeto “Passaporte Belém” iniciou em 2014, com a proposta de oferecer um guia sobre os “tesouros” e experiências de Belém, objetivando estimular a integração de moradores e visitantes com a cidade e suas atrações. Com dicas dos colunistas Mauro Bonna, Rejane Barros e Alda Dantas, a série “Passaporte Belém: 100 Coisas para Fazer Aqui” foi baseada nos cinco sentidos humanos – visão, audição, paladar, tato e olfato – apresentando-se em duas versões: série de suplementos e guia de bolso.

Em 2015, o Passaporte Belém ganhou uma nova versão. A partir das experiências de quatro experts da noite, foi desenvolvida a série, “Passaporte Belém by Night – 80 Coisas para Fazer Aqui”, desta vez tomando por base a visão, audição e o paladar, sob a perspectiva da vida noturna da capital paraense. Com dicas do barman Armando Costa, da jornalista Esperança Bessa, do colunista Janjo Proença e do DJ Paulinho Fidalgo, a publicação proporcionou novas experiências e percepções sobre a cidade, dando origem a cinco fascículos e um exclusivo guia noturno de Belém.

Categorias

O Passaporte Belém - O Melhor da Gastronomia foi elaborado a partir da indicação de 16 personalidades da capital paraense, que montaram um ranking gastronômico, no qual cada jurado indicou seus favoritos em 23 categorias.

Confira: Churrascaria; Peixaria; Italiano; Vinho; Bar; Café da manhã; Padaria; Doce; Sanduíche; Hamburgueria; Sorvete; Pizzaria; Saudável; Japonês; Açaí; Regional; Cerveja; Internacional; Sobremesa; Chef; Tira-gosto; Popular; Salgado

(Luiz Flávio/ Diário do Pará)

COMENTÁRIOS mode_comment

CONTINUE LENDO keyboard_arrow_down
CONTINUAR LENDO keyboard_arrow_down