SAÚDE

Quer saber como aliviar os sintomas da rinite e sinusite através da alimentação? Veja como

POSTADO EM: Quinta-Feira, 04/10/2018, 14:43:53
ATUALIZADO EM: 04/10/2018, 16:37:55

zoom_out_map
Reprodução

Algumas alergias têm os sintomas agravados durante algumas épocas do ano, como é o caso das famosas rinite e sinusite. Mas, você sabia que é no intestino que todos os problemas começam? Ele é o local de início das alergias e problemas respiratórios. Segundo a nutricionista Aline Quissak, especializada nas áreas de Oncologia, Síndrome Metabólica, Psicologia da Nutrição e Nutrição Esportiva, antes de partirmos para o uso de soros, antialérgicos e terapias de tratamento medicamentoso devemos começar a solucionar o problema pela causa, e existem alguns alimentos que podem ajudar.

A primeira coisa que devemos analisar, é como nosso intestino tem se comportado, afinal, mesmo com um intestino “regulado”, podemos ter problemas que acabam levando a alergias. Pode parecer esquisito, mas analisar nosso coco pode ajudar a solucionar vários problemas. Responda mentalmente: Ele afunda ou flutua? Qual o formato? Você precisa passar o papel para se higienizar mais de duas vezes, ou com uma vez ele já sai limpinho? Tem sensação de esvaziamento completo? Tem cólica pré-evacuatória?

De acordo com a especialista, um intestino realmente regulado apresenta características específicas com relação as fezes. “A grande maioria das pessoas, acredita que o fato de ir ao banheiro todos os dias é um bom sinal, mas às vezes, ela pode estar com problemas que desencadeiam outros problemas, como as alergias. Pode parecer esquisito, mas isso pode dizer muito sobre nosso organismo. Um intestino regulado de verdade tem uma evacuação adequada, as fezes afundam, tem um aspecto de cobra, apresentam poucos resíduos, dão a sensação de esvaziamento e não apresentam cólicas”, explica. Agora, se o seu coco foge desse padrão, é sinal de que você pode estar com alguns problemas, e é bom procurar ajuda médica. Mas, antes de buscar tratamentos mais invasivos, uma boa alimentação pode ajudar a amenizar todos esses problemas, já que existem alimentos benéficos para ambos os casos.

Para ajudar na recuperação dos hormônios antialérgicos no intestino e controlar a rinite, Aline recomenda alguns alimentos, como a aloe vera. O suco dela, que pode ser comprado pronto, 100% puro, tem a propriedade de cicatrizar e renovar as células do intestino. Sugestão: 2 colheres de sopa em jejum e 2 colheres de sopa antes de dormir. Já os probióticos, são bactérias do bem que agem no intestino, responsáveis pela produção de hormônios antialérgicos, anti-ansiedade, absorção de ferro, cálcio e vitaminas do complexo B. Elas podem ser manipuladas, veja com o seu nutricionista. A sugestão aqui é de no mínimo 5 milhões de UFC diluídas no chá de erva doce antes de dormir por pelo menos 30 dias, sendo o ideal 90 dias. E se você consumir 2 castanhas do Pará, junto com o chá de erva doce, elas vão ajudar a fixar os probióticos no intestino, uma vez que eles são facilmente eliminados nas fezes diminuindo a eficácia do tratamento.

O óleo essencial de eucalipto ajuda a liberar as vias respiratórias e pode ser usado para fazer inalação no banho ou no aparelho com água filtrada. A nutricionista sugere 3 gotas para 200ml de água. Não ingerir, apenas inalar. Existem ainda, alimentos específicos para cada tipo de alergia. Se o seu caso é a rinite, inclua no seu dia a dia frutas como acerola, melancia e morango. Outros alimentos, ingeridos com frequência como ovo de codorna, brócolis e abacate, também são seus aliados. “Pelo menos três vezes na semana, tente ingerir esses alimentos.  5 Ovos de codorna, 1 xícara de brócolis e 3 colheres de sopa de abacate vão ajudar na luta contra a sua rinite”, explica a nutricionista. Inclua ainda, duas vezes o dia, de preferência pela manhã e à tarde: Chá de Rosa Mosqueta (bom para a imunidade) + Chá de Frutas vermelhas (anti-inflamatório). Colocar na mesma xícara os dois e abafar (tampar com um pirex) por 5 minutos antes de beber.

Já se o seu problema é a sinusite, existem alguns aliados nessa batalha como o mamão, o kiwi e o melão. O espinafre, a cenoura e a tilápia, também vão facilitar sua vida. “Consuma com frequência, 1 xícara de Espinafre refogado no alho e azeite extra virgem, 1/2 xícara de cenoura ralada crua e 150g de tilápia, esses alimentos vão ajudar nos sintomas intestinais e alérgicos”, completa.  Inclua também, duas vezes ao dia, de preferência pela manhã e à tarde: Chá de gengibre (1 colher de chá ralado) + suco de meio limão + 5 gotas de própolis alcoólico 11% v/v (Em 1 xícara de 250ml de água, abafar por 8 minutos).

Vale lembrar, que esses alimentos são aliados e ajudam a tratar o intestino e amenizar os sintomas, o ideal é que você procure a ajuda de especialista, para que ele possa avaliar o seu quadro e a melhor maneira de controlá-lo. “Essas são opções de alimentos que auxiliam na diminuição dos sintomas da rinite e sinusite, mas é claro que eles não descartam a avaliação de um especialista para o tratamento adequado a cada quadro”, finaliza.

(Com informações da Reversa Comunicação)

LEIA TAMBÉM



COMENTÁRIOS mode_comment