IGUALDADE DE GÊNERO

Islândia torna crime mulher ganhar menos que homem

POSTADO EM: Quarta-Feira, 03/01/2018, 18:06:49
ATUALIZADO EM: 03/01/2018, 18:23:32

zoom_out_map
Reprodução

A Islândia deu mais uma vez um exemplo de humanização. Pela primeira vez, um país torna ilegal uma empresa pagar um salário menor a uma pessoa por ela ser mulher.

O país já aparecia no topo da lista dos países com mais igualdade de gênero e agora tem motivos de sobra pra permanecer no posto.

A medida foi anunciada em março de 2017. O Ministro da Igualdade e Assuntos Sociais da Islândia enfatizou que “direitos iguais são direitos humanos”.

Tanto as empresas privadas com mais de 25 funcionários quanto as públicas terão que seguir a nova ordem. Caso não haja certificação de que ali esteja havendo igualdade salarial, a instituição ficará sujeita a levar uma multa.

A lei recebeu apoio de quase todos partidos políticos. Quase metade dos membros do congresso são mulheres.

(Com informações de Época)



COMENTÁRIOS mode_comment