"BODE"

Mais um acusado do assalto ao Banco Central de Fortaleza é capturado

POSTADO EM: Quarta-Feira, 10/10/2018, 17:10:25
ATUALIZADO EM: 10/10/2018, 17:14:31

zoom_out_map
Reprodução

Mais um acusado de participar de um dos maiores roubos a banco na história do Brasil foi capturado na cidade de Boa Viagem, no Ceará, nesta quarta-feira (10), 13 anos após o crime.

Antônio Artenho da Cruz, mais conhecido por “Bode”, foi localizado após denúncia anônima feita à Polícia Militar. Ele é acusado dos crimes de lavagem de dinheiro e furto qualificado.

Os policiais foram até a residência aonde Antônio estaria, cercaram o lugar e efetuaram a prisão do acusado.

"Bode" foi capturado em uma residência em Boa Viagem, Ceará

No imóvel, as autoridades encontraram cerca de R$ 4 mil em espécie, além de uma espingarda calibre 36 e munições. Artenho e  o material apreendido foram encaminhados à Delegacia Municipal de Boa Viagem.

Por coincidência (ou não), na segunda-feira (8), a justiça decidiu reduzir a pena do próprio acusado ao tirar de sua ficha a prática de formação de quadrilha. Isto isenta o criminoso no roubo ao Banco Central de Fortaleza, há mais de uma década atrás. Com isso, 3 anos devem ser reduzidos na pena de “Bode”.

Ele era o único envolvido no crime que ainda não tinha passagens pela polícia.

No começo de agosto de 2018, Adelino Angelim Sousa, o "Amarelo", foi o primeiro da quadrilha a ser preso.

(Com informações de Diário do Nordeste)



COMENTÁRIOS mode_comment