NACIONAIS

Emerson Leal anuncia novo show em São Paulo: “o público tem uma antena diferente”

POSTADO EM: Quarta-Feira, 10/10/2018, 17:40:03
ATUALIZADO EM: 10/10/2018, 17:40:03

zoom_out_map
Divulgação

Mais um show nacional vai tomar conta de São Paulo nos próximos dias.

O cantor e compositor Emerson Leal, considerado a revelação letrista da MPB atual, levará seu concerto do EP Ao vivo no Rio à capital paulista na próxima quarta-feira (17).

O músico apresentará canções como “Vai que dá certo”, que já foi interpretada por Ana Carolina em shows recentes, “Na frente da tela”, “Um samba inacabado” e “Sugar baby”, além de outras canções importantes da sua carreira.

Para entender um pouco sobre essa nova fase de Emerson Leal, que inclusive já foi elogiado por Chico Buarque, batemos um papo com o cantor. Leia abaixo e confira ao fim da publicação todas as informações sobre o show do músico.

TMDQA!: Olá, Emerson! Você foi “eleito” pela mídia e crítica como a grande revelação de letrista da MPB atual, um título bastante significativo. Como você definiria seu som para quem ainda não te ouviu?

Emerson Leal: Olá, Stephanie, olá, todo mundo. Bom, pra quem ainda não me ouviu, o melhor que posso dizer é: escolha agora mesmo a sua plataforma digital preferida e aperte o play sem medo (risos). Falando sério, é difícil pra mim definir só com palavras a minha música. Mas pra gente ter uma ideia, acho que dá pra dizer que faço música brasileira pop/contemporânea.

TMDQA!: Você está excursionando agora com o EP Ao vivo no Rio, que vem depois do elogiado Cortejo. Como foi a jornada entre os dois trabalhos?

Emerson: O EP Ao vivo no Rio foi extraído da gravação do show de lançamento do Cortejo, no Teatro Sérgio Porto. Registramos o show em áudio e vídeo; e agora já dá pra ver tudo no meu canal do YouTube. O EP nasceu da vontade de tornar acessíveis músicas que eu ainda não havia gravado, mas que já tocava em shows e o público sempre adorava, que são “Sugar baby” e “Um samba inacabado”. Aproveitei e incluí “Vai que dá certo”, já gravada no Cortejo, e “Na frente da tela”, gravada pela primeira vez como single por uma cantora daqui de São Paulo, Ariella Parreira.

TMDQA!: Hoje a MPB abrange uma gama bem variada de artistas e estilos, alguns tendendo mais ao pop, outros se atendo ao “clássico”. Você acha que o gênero se desenvolveu para melhor com o passar dos anos? Se sim, quais outros grandes nomes da MPB atual você destacaria?

Emerson: Eu acho que uma certa democratização dos meios de produção e divulgação favoreceu uma diversidade ainda maior dentro da música popular. Cada um faz seu próprio movimento e isso é um bom sinal dos tempos. Não entro na questão de gosto, se melhorou ou piorou, mas posso afirmar que o “conjunto universo” (desde o ginásio não usava essa expressão) da musica brasileira aumentou bastante e, com isso, sub-nichos de mercado também se criaram.

TMDQA!: A Ana Carolina interpretou “Vai que dá certo” em shows recentes, sinal claro da admiração pelo seu trabalho. Podemos esperar por uma parceria algum dia?

Emerson: Vou te dar uma notícia em primeira mão: “Um samba inacabado”, que está no EP, fala justamente dessa parceria, que eu também espero (risos). Começamos a fazer um samba há um tempo atrás e ainda não terminamos. Fiz “Um samba inacabado” para, gentilmente, lembrá-la da nossa parceria não-finalizada. Ela adorou. Ficou mesmo muito bom, tanto que resolvi cantar nos shows e registrar no EP.

TMDQA!: Você é baiano, mas já morou no Rio de Janeiro e São Paulo. E é por aqui que você toca na semana que vem! Como é a sua relação com o público paulista? O que você espera desse show?

Emerson: A plateia paulista é sempre parte do show. Toquei em SP pela primeira vez em 2013 e logo percebi que o público tem uma antena diferente; é especialmente aberto ao novo, é curioso, interessado. Eu espero mais uma vez sentir do palco essa energia paulista, fazendo o show ficar melhor ainda.

TMDQA!: Quais são os planos futuros? Vem disco novo em breve ou ainda planeja dar um tempinho?

Emerson: Quero circular um pouco mais com esse show; além disso continuo compondo, também. Muito provavelmente em 2019 a gente tenha novidades, vamos avisando pelas redes.

TMDQA!: Para finalizar, o nome do nosso site fala muito sobre a nossa relação com os discos. Nessa linha de raciocínio, qual disco você diria que é seu melhor amigo?

Emerson: Adoro o nome do site e durante um tempo na vida eu também tive, sim, muito mais discos que amigos. Falar em um só disco que seria meu melhor amigo pode ser muito injusto com os outros, mas nesse momento me vem à cabeça o The hips of Tradition, de Tom Zé. O conheci assim que cheguei no Rio, em 2008, e me fez uma bela companhia naquele momento novo da minha vida.

Serviço – Emerson Leal em São Paulo

Local: Teatro de Bolso do IV Mundo | Praça Jesuíno Bandeira, 124 | Vila Romana | São Paulo/SP
Data: 17 de outubro, às 20 horas
Preço: R$ 20,00
Meia-entrada: para estudantes
Formas de pagamento: todos os cartões de crédito/débito
Vendas: No local, à partir das 19:00h
Capacidade do local: 40 pessoas
Telefone para informações: (11) 98252-8388
Classificação etária: livre
Capacidade do local: 40 pessoas
OBS.: A casa abre às 19:00h e tem serviço de bar.

Fonte: TMDQA!



COMENTÁRIOS mode_comment