MAIS MÚSICA

The Black Eyed Peas lança clipe brutal para a nova “Get It”

POSTADO EM: Terça-Feira, 10/07/2018, 19:40:03
ATUALIZADO EM: 10/07/2018, 19:40:03

zoom_out_map
Divulgação

Vivemos um momento de muitas dúvidas e incertezas. Críticas políticas e sociais em canções se tornaram cada vez mais frequentes. Preconceito, injustiça e abuso de poder não podem mais (e nem devem) ser tolerados.

Os Black Eyed Peas que o digam. Recentemente o grupo tem se dedicado a lançar músicas retratando a realidade. Em “Street Livin’“, o grupo clama por mudanças sociais. Enquanto isso, referências militares e religiosas se tornaram objetos questionáveis na recente “Ring The Alarm“.

Com seu mais novo lançamento, “Get It“, não poderia ser diferente. Os membros will.i.am e Apl.de.ap versam sobre estar atento ao que acontece ao redor, e sobre como isso é importante.

A letra faz referência a outras músicas. “Ordinary People“, canção de John Legend escrita e produzida em parceria com will.i.am, e “Fallin’ Up“, do álbum de estreia do grupo, são citadas ao longo da música.


“A vida pode ser terrível”

Com uma mensagem mais clara talvez até do que a própria música, o grupo disponibilizou junto ao lançamento de “Get It” um videoclipe que denuncia a brutalidade policial. O vídeo, disponibilizado pela Noisey, teve direção de Ben Mor. Ele é responsável por clipes de artistas consagrados como Coldplay, Sean Paul e Katy Perry, além de já ter dirigido vários clipes tanto dos Black Eyed Peas quanto das carreiras solos de will.i.am e de Fergie.

No entanto, nenhuma das direções anteriores de Ben Mor se mostrou tão agressiva quanto esta. Feita em plano-sequência, o vídeo mostra ao longo de seus quase quatro minutos de duração vandalismo, apelo à religiosidade e mensagens por paz e respeito, além de enfatizar no abuso policial, que culmina, no clipe, com um policial atirando nas costas de um fugitivo.

Ao final de tudo, é revelado que a perspectiva da câmera vem de dentro de um carro em movimento. Dentro deste carro encontra-se Donald Trump, o presidente norte-americano, que apenas assiste à guerra acontecendo do lado de fora.

Fonte: TMDQA!



COMENTÁRIOS mode_comment