PARADA DURA

Leão Azul terá uma maratona decisiva pela frente

POSTADO EM: Quarta-Feira, 06/02/2019, 09:38:33
ATUALIZADO EM: 06/02/2019, 09:42:02

zoom_out_map
Irene Almeida

A partir de hoje, o Clube do Remo entra na sua primeira semana considerada decisiva nesta temporada. No sábado (9), o Leão encara o Independente, no estádio Navegantão, em Tucuruí. O duelo pelo Estadual será decisivo para avaliações do grupo azulino, uma vez que o Galo Elétrico é um dos invictos da competição, além de ter apresentado um futebol competitivo. Além disso, a partida será determinante para sabermos a composição do time que irá estrear pela Copa do Brasil 2019, na próxima quarta-feira (13), contra o Serra-ES, no Espírito Santo. E, por ser jogo único, o resultado da partida pelo torneio nacional poderá pesar e muito para o comportamento do time no primeiro clássico Re-Pa da temporada, programado, até então, para o dia 17, no Mangueirão. Ufa!

Embora tenha sido a primeira equipe a começar o processo de pré-temporada, com treinos táticos, físicos e jogos-testes, o Remo ainda não teve uma atuação verdadeiramente convincente em campo. As duas vitórias pelo Parazão foram bastante contestadas, pela limitação do setor ofensivo e, especialmente, da zona de criação. 

Desse modo, pelo grau de dificuldade que terá pela frente, seja no competitivo ou no emocional, os azulinos salientam que a concentração é essencial para qualquer situação nos gramados. “Na verdade, qualquer partida tem o seu valor. É focar em se apresentar bem, finalizar as chances no ataque e buscar a todo o momento a vitória. O grupo sabe disso e só o que importa e sair de campo vencedor”, disse o goleiro Vinícius, que ainda não foi vazado nesta temporada.

Aqui você vai encontrar materiais esportivos de todas as marcas. Camisas de grandes clubes nacionais e internacionais. Acesse e confira!

FINANCEIRO

Buscar uma boa situação financeira, hoje, é o que mais atrai a diretoria do Clube do Remo, tanto para poder honrar os seus compromisso quanto para tocar alguns projetos pré-estabelecidos para o decorrer da gestão. 

Assim, com uma possível classificação na Copa do Brasil, o que garantiria R$ 525 mil de cota pela primeira fase, além da receita do Re-Pa, o Leão poderá fechar o caixa da próxima semana com R$ 1 milhão líquido no cofre. Mas, para isso, o fator confiança precisa estar afiado e o duelo deste sábado contra o Galo, se torna extremamente crucial.

Uma vitória incontestável em Tucuruí será o verdadeiro abre-alas para os azulinos neste mês de fevereiro. “Ainda temos que melhorar em algumas jogadas, no último terço do campo. O grupo tem entendido, mas ainda precisamos evoluir em alguns fatores para deixar o time com aquilo que acho ideal”, comentou o treinador Netão.

(Matheus Miranda/Diário do Pará)



COMENTÁRIOS mode_comment