LIBERADO!

Paysandu consegue última licença para obras do CT

POSTADO EM: Quarta-Feira, 19/09/2018, 19:03:41
ATUALIZADO EM: 19/09/2018, 19:03:41

zoom_out_map
Fernando Torres/Paysandu SC

O Paysandu está liberado para iniciar as obras do seu Centro de Treinamento. Nesta quarta-feira (19), a diretoria bicolor conseguiu a última licença que estava pendente junto à Secretaria de Meio de Ambiente (Semma), e pode começar as operações estruturais na área localizada no bairro de Águas Lindas, em Belém.

O clube bicolor já havia conseguido as liberações com Secretaria Municipal de Urbanismo (Seurb), além da Superintendência Executiva de Mobilidade Urbana de Belém (Semob) e da Companhia de Saneamento do Pará (Cosanpa). Toda a parte burocrática durou aproximadamente 19 meses.

O Paysandu disse desde o início que não faria nada ilegalmente, então por isso nós não começamos a obra. É muito fácil falar 'começa e depois resolve', mas aqui não, não é mais assim que se faz. O Paysandu tinha prometido até para os gestores municipais que não faria nada enquanto não estivesse com todas as licenças. É a lei e nós temos de seguir. Podemos até não concordar com tudo que é feito para conseguir a licença, mas nós temos de cumprir a lei e foi isso que nós fizemos", disse Tony Couceiro, presidente do Papão.

Agora, o Paysandu precisar cumprir os compromissos estabelecidos com os órgãos do governo. O primeiro será contratar uma empresa para fazer a supressão vegetal do terreno.

"Devemos gastar cerca de R$ 140 mil para fazer a retirada das árvores, sendo R$ 80 mil para a empresa que fará o serviço e R$ 60 mil para uma empresa de consultoria que vai nos orientar a fazer tudo da maneira correta, com acompanhamento de um engenheiro florestal e de um engenheiro agrônomo. Essa consultoria é muito importante para garantir que tudo seja fiscalizado e feito da forma certa, sem risco de o clube ser penalizado com multa", contou João Bosco, presidente da Comissão de Obras do CT.

Ao todo, o Paysandu gastou mais de R$ 27 mil para obter todas as licenças junto aos órgãos públicos municipais. A Licença Provisória custou R$ 3.400,00, o Alvará de Obras R$ 18.085,61 e a Licença de Instalação R$ 6.254,96. A expectativa é que o projeto seja concluído em um prazo de três anos.

Aqui você vai encontrar materiais esportivos de todas as marcas. Camisas de grandes clubes nacionais e internacionais. Acesse e confira!

(DOL)



COMENTÁRIOS mode_comment