CLUBE DO REMO

Mesmo sem contar com 3 atletas, os azulinos confiam em boa partida contra o Santa Cruz

POSTADO EM: Sábado, 07/07/2018, 09:02:00
ATUALIZADO EM: 07/07/2018, 09:05:39

zoom_out_map
Samara Miranda/Remo

Assim como na partida frente ao Juazeirense, na rodada passada, ocasião em que o Clube do Remo entrou em campo sem três dos seus jogadores titulares; para a partida de amanhã contra o Santa Cruz, pela 13ª rodada da Série C, a equipe irá jogar desfalcada. A principal baixa do time ficou com a ausência de Everton, camisa 10 da equipe, vetado com lesão. Contudo, o treinador João Nasser Neto, o Netão, não contará com outros jogadores. 

O departamento médico da agremiação, que já contava com Ruan, também barrado por lesão, recebeu um velho conhecido, o atacante Gabriel Lima. O atleta aparecia como uma provável opção para a vaga de Ruan, mas agora é outro que está fora do confronto de amanhã, porque foi diagnosticado com estiramento no ligamento do joelho esquerdo, após sentir dores, no treino de ontem.

Dessa maneira, além de Isac e Elielton, que farão a dupla de ataque titular, Netão contará com Eliandro e Jayme, como opções imediatas da função.

Por ser uma partida importante, sobretudo no que tange a possibilidade de saída da zona da degola, o comandante lamentou as baixas. Porém, Netão ratificou a presença do espirito guerreiro em momentos como esse. “Isso acontece. Foi assim na partida contra o Juazeirense, que não contamos com alguns jogadores”, disse o treinador. “Mas temos um elenco de qualidade, e o principal é que estamos fechados e que temos condições para trazer um resultado positivo”, completou.

PROBLEMA MINIMIZADO 

A confiança do treinador ocorre principalmente pelas circunstâncias que um novo triunfo acarretará para a equipe. Desse modo, os jogadores assimilam e endossam o coro do professor. É o caso do atacante Isac, que precisará mais do que nunca estar com o faro de gol em dia. “Nosso papel é esse: passar por cima dos problemas e entrar em campo para vencer. Às vezes o nosso rival também conta com isso e conseguia sair vitorioso, então, pra gente isso é só mais um obstáculo que temos que passar para conquistar os nossos objetivos”, frisou o centroavante.

Para o meio-campista Rodriguinho, a linha de raciocínio também é a mesma. Se quiser sair de campo com o triunfo na bagagem, a equipe precisa se impor na casa dos adversários, conforme o jogo passado, em Belém. “Acho que chegamos a um momento que não podemos mais diferenciar jogo fora ou em casa. Temos que vencer. A postura que tivemos em casa tem de ser sempre igual. É um time diferente, de tradição, que vai com sede, mas nós também estamos na mesma situação e vamos lutar para vencer”, ponderou.

FIQUE LIGADOSANTA

CRUZ X REMO

- As duas equipes se enfrentam neste domingo, às 17h, no estádio Arruda, em Recife, pela 13ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série C. 

- Os azulinos precisam da vitória para tentar sair da zona de rebaixamento, onde figuram na lanterna do grupo A, com 11 pontos. .

(Matheus Miranda/Diário do Pará)



COMENTÁRIOS mode_comment