RE-PA

Clube do Remo: Experiência em clássico é fundamental

POSTADO EM: Sexta-Feira, 09/03/2018, 08:06:05
ATUALIZADO EM: 09/03/2018, 08:06:05

zoom_out_map
Maycon Nunes

Quando o assunto é clássico, já foi provado que, independentemente da fase de uma das equipes, o confronto não tem favorito. Não à toa, os jogadores sempre apontam os detalhes como ponte para o triunfo. Para o Re-Pa de domingo (11), os atletas do Clube do Remo mantiveram o discurso e, mesmo com uma vitória maiúscula diante do rival no primeiro turno, o duelo do final de semana será totalmente distinto do anterior. Isso porque as duas equipes passaram por mudanças radicais nos últimos meses. Contudo, apesar das alterações que variam desde o comando técnico à postura em campo, um fator sempre irá permanecer: a experiência.

Levy, lateral-direito do Leão, é um dos atletas que mais conhece a magnitude do clássico, seja pelo lado azulino ou dos rivais. De acordo com Levy, a experiência é fundamental. “Re-Pa é diferente, todos sabemos disso. É um jogo que ninguém quer perder, por isso a entrega de todos, haja vista que toda a cidade para. Nosso grupo passou por algumas mudanças, e acredito que estamos bem melhores do que antes. Sei muito bem como o jogo mexe e acho que o meu conhecimento é importante nesse momento. Estamos bem e acredito que vamos fazer um bom jogo para conquistar mais uma vitória e garantir a classificação”, avaliou o jogador.

Embora tenha perdido as contas de quantos clássicos entrou em campo, já que são mais de 10 anos enfrentando o rival, no entanto, Levy apontou os conhecimentos de Givanildo Oliveira como decisivos. “O professor Givanildo é um profissional de tirar o chapéu, sabe bem o que é o clássico, pelos dois lados. A ajuda dele fora de campo vai ser muito importante para nós, porque ele conhece o clima e vai saber como nos ajudar dentro de campo a sair com uma vitória”, destacou o ala.

E MAIS... META É BALANÇAR AS REDES

- O meio-campista Adenilson, depois de um começo ruim com a camisa azulina, parece ter se encontrado na onzena titular do Clube do Remo. Responsável pela criação do time, porém, a atual estrutura da equipe faz com que o jogador atue mais próximo do trio de atacantes, fazendo, por vezes, o papel de quarto atacante. Aliás, a chegada junto aos companheiros ofensivos, proporcionou ao Leão mais uma opção de gols, já que Adenilson também vem balançando as redes. 

- Para o atleta, o importante é ajudar. “Tenho essa característica de bater bem na bola, por isso, se surgir uma oportunidade vou tentar marcar gols. É claro que a gente pensa no grupo, criar passes, porque o importante é a vitória, mas se puder ajudar o time com gols, ou com passes, carrinhos, vou ajudar”, disse o jogador, autor de três gols na temporada.

(Matheus Miranda/Diário do Pará)



COMENTÁRIOS mode_comment