MÁ CONDUTA

Martony e Andrey são afastados do Remo por curtirem balada em Belém

POSTADO EM: Terça-Feira, 06/02/2018, 08:38:31
ATUALIZADO EM: 06/02/2018, 10:32:52

zoom_out_map
Maycon Nunes e Ricardo Amanajás

Com a derrota no meio da semana passada para o Manaus-AM pela Copa Verde, o clima de cobrança imperou dentro do Clube do Remo. No entanto, para o zagueiro Martony e o meio-campista Andrey, a tristeza pelo revés acabou junto com a partida, ainda na Arena da Amazônia. Dois dias após a derrota, na sexta-feira (2) passada, os jogadores foram vistos em clima de farra em evento de forró na cidade. A atitude dos profissionais foi vista como irresponsável pela diretoria de futebol, o que deve culminar com a saída de ambos do plantel. Inclusive, os dois não foram relacionados para o jogo de amanhã contra o Atlético-ES, mesmo comparecendo aos treinos de sábado e domingo.

De acordo com a diretoria de futebol, até quinta-feira tudo deverá ser resolvido. Martony foi um dos jogadores remanescentes da temporada passada, por sua regularidade em campo. Porém, o comportamento extracampo do defensor já vinha desagradando aos dirigentes. O mesmo é válido para Andrey. “É um boato verdadeiro (saída). A equipe está em preparação para uma partida muito importante e essas coisas não devem acontecer. O comportamento deles já vinha incomodando e vamos decidir na quinta-feira, depois do jogo. Essa é uma decisão que precisa do aval do Ney, mas que está bem encaminhada”, explicou Milton Campos, diretor de futebol.

A possível saída do zagueiro ganha forças pela procura que a agremiação vem realizando no mercado por um defensor. Com a liberação de Alex Moraes para uma equipe da Malásia, hoje, o Remo conta com apenas quatro opções para a função: Bruno Maia, Mimica, o jovem Kevem oriundo da base e Martony. “Estamos sim procurando um zagueiro, com algumas opções até de contratação, mas queremos continuar com a política de só oficializar tudo após a assinatura. Tem fundamento (a possível saída de Martony) para a contratação. Vamos aguardar a decisão do Ney para nos pronunciarmos antes de qualquer coisa”, adiantou Milton Campos, reiterando que Andrey deve retornar para o Cruzeiro-MG, onde possui vínculo, em caso de quebra de contrato.

(Matheus Miranda/Diário do Pará)



COMENTÁRIOS mode_comment