zoom_out_map
(Foto: Fernando Araújo)

Contratações seguras no Baenão - Pará |

Sexta-Feira, 19/05/2017, 08:05:00 - Atualizado em 19/05/2017, 08:05:00

Desde o início da temporada, o Clube do Remo vive um momento diferente no seu futebol. Os azulinos estão trabalhando de forma equilibrada. Ao contrário de outros anos, foram feitas poucas contratações de fora, sendo que os atletas trazidos foram de baixo custo, na sua maioria jogadores daqui da região. Para o Campeonato Brasileiro da Série C, o Leão vem contratando, mas claro, sem tirar os pés do chão.

Um dos responsáveis por indicar as contratações para a equipe é o próprio treinador Josué Teixeira. Ele conta que, depois deste primeiro momento de “compras”, é preciso ter calma e avaliar o plantel. “Você não pode quebrar o orçamento. Tem jogadores na casa que precisam ser observados. Não adianta encher de jogador e depois não ter como pagar. Temos até o início do segundo turno para contratar”, afirma. “Se surgir uma situação de um grande jogador que queira jogador com a gente, dentro de uma realidade favorável, para nós, vai ser interessante”, completa.

Josué comenta ainda que muitos destes jogadores que estão no plantel são da base, entretanto há também aqueles em final de contrato que ainda estão sob observação. “São jogadores que estamos pegando para se adaptar ao trabalho profissional, para ganhar experiência. Alguns com contrato no final, vamos analisar o custo-benefício para o clube, tem de ter um critério”, ressalta Josué. “Não podemos inchar o elenco e sair gastando dinheiro. Precisamos de uma folha enxuta e bem organizada, para que possamos pagar tudo em dia até o final, como tem sido feito pela direção do clube”, destaca.

(Café Pinheiro/Diário do Pará)


COMENTÁRIOS mode_comment

CONTINUE LENDO keyboard_arrow_down
CONTINUAR LENDO keyboard_arrow_down