MAIS FUTEBOL

Bonucci revela que deixou a Juve em “um momento de raiva”

POSTADO EM: Sexta-Feira, 10/08/2018, 19:00:04
ATUALIZADO EM: 10/08/2018, 19:00:04

zoom_out_map
Divulgação

Depois e apenas uma temporada no Milan, Bonucci voltou à Juventus, clube que defendeu durante sete anos. O zagueiro relembrou sua saída durante entrevista de reapresentação e falou que grande parte do motivo da transferência a equipe rossonera foi o seu desentendimento com o treinador Massimiliano Allegri.

“Acertei com o Milan em um momento de raiva. Com certeza a discussão com o treinador me fez ir embora. No último ano conversamos algumas vezes para nos entender e temos uma excelente relação. Graças a ele melhorei”, afirmou o jogador de 31 anos. “Queria voltar porque tinha saudades de casa. Deixei meu coração aqui, sou Juventus desde que nasci. Se me apresentarem uma proposta para sair hoje, nem sequer pensaria”.

Bonucci agradeceu ao Milan por ter “permitido” que ele retornasse para a Velha Senhora e ainda rasgou elogios ao treinador Gattuso, a quem ele creditou os melhores momentos de sua rápida passagem no time do San Siro.

“A maior felicidade do Milan foi ter sido treinado por Gattuso. Ele é uma excelente pessoa. Foi uma temporada que me deu coisas a nível humano, mas me tirou vitórias”, declarou o experiente zagueiro.

Ao ser questionado sobre uma possível rejeição da torcida, Bonucci foi sincero. “A única resposta que tenho que dar ao clube e aos torcedores é dentro de campo, com sacrifício. Compreendo os torcedores, sempre os respeitei e, no final dos jogos, sou o primeiro a lhes agradecer. Aceito vaias dos adversários, mas, se forem da minha torcida, tenho que transformar isso em aplausos”.

Fonte: Gazeta Esportiva



COMENTÁRIOS mode_comment