ADVERSÁRIO DO BRASIL

Polêmica sobre masturbação acabou com casamento entre astro da seleção suíça e modelo

POSTADO EM: Sexta-Feira, 08/06/2018, 15:27:30
ATUALIZADO EM: 08/06/2018, 16:33:33

zoom_out_map
Reprodução

Ainda não se sabe quais serão os pontos fracos da seleção da Suíça, primeira adversária do Brasil na Copa do Mundo 2018, em campo. Mas, fora dos gramados,  um dos jogadores mais experientes do time suíço certamente tem um tema que o tira do sério: a masturbação.

Blerim Dzemaili, de 32, viu seu casamento com a modelo albanesa Erjona Sulejmani chegar ao fim após uma declaração dada por ela em um reality show , exibido na TV italiana.

Em novembro do ano passado, a então esposa de Dzemaili participou do programa “Le Capitane”, exibido pela Spike TV, e afirmou: “Sexo antes das partidas? Os jogadores de futebol não gostam muito. Eles preferem ‘fazer sozinhos’”.

A declaração sobre masturbação incomodou o jogador, que na época defendia o Montréal Impact e hoje joga pelo Bologna.

A advogada do meia enviou ao jornal “Corriere Della Sera” um comunicado informando que seu cliente havia decidido iniciar a “separação judicial” de sua esposa após uma “crise prolongada”.

Na nota, os advogados de Dzemaili também afirmam que Erjona estava proibida de usar o sobrenome do marido.

Erjona Sulejmani ficou famosa durante a Eurocopa-2016, quando passou a ser tratada por diferentes veículos como a “esposa mais bonita de um jogador” da competição. A modelo ficou casada durante dois anos e tem um filho do meio-campista.

Dzemaili é o terceiro jogador mais velho dos 23 convocados pela Suíça para o Mundial. O camisa 15 defende a seleção desde maio de 2006 e vai disputar a principal competição do planeta pela terceira vez na carreira –também esteve em campo em 2006 e 2014.

(Com informações do Blog do Rafael Reis/UOL)



COMENTÁRIOS mode_comment