MAIS VÔLEI

Zé Roberto espera pedreira contra a Sérvia: “É o time favorito”

POSTADO EM: Quinta-Feira, 17/05/2018, 09:50:04
ATUALIZADO EM: 17/05/2018, 09:50:04

zoom_out_map
Divulgação

O Brasil encerra sua primeira semana de disputas na Liga das Nações de vôlei feminino nesta quinta-feira, contra a Sérvia, no ginásio José Corrêa, em Barueri. Diante das vice-campeãs olímpicas, o time comandado por Zé Roberto Guimarães quer aproveitar o embalo do triunfo sobre o Japão para se despedir de sua torcida com chave de ouro, no entanto, o próprio treinador da equipe verde e amarela sabe que sair de quadra com um novo resultado positivo não será tarefa fácil.

Comandando um elenco jovem e tendo de lidar com o desgaste físico da maioria das jogadoras por conta do fim da temporada brasileira, Zé Roberto Guimarães optou por adotar o rodízio na tentativa de amenizar os efeitos do problema. Além disso, o treinador também vem tentando promover Jaqueline como líbero, sua nova função, mas com calma para não queimá-la justamente na preparação para o Mundial de 2018, principal objetivo da Seleção Brasileira.

“[A Sérvia] É o time favorito, tem mais condições. O ponto forte deles são as duas atacantes, a Mihajlovic e a Boskovic, são dificílimas de serem marcadas. É um time que bloqueia muito bem. Essa número 20 [Blagojevic] de uma boa estruturada no time, que sempre sofreu muito no passe. Todas as bolas são as duas que decidem”, afirmou o treinador do Brasil

Zé Roberto Guimarães também comentou sobre o que será preciso fazer para vencer as favoritas ao duelo. Depois de um jogo defensivamente ruim contra a Alemanha na estreia, a Seleção Brasileira evoluiu frente ao Japão, mas precisará se superar ainda mais caso queira superar as atuais vice-campeões olímpicas nesta quinta-feira, em Barueri.

“Teremos que sacar muito bem e que o sistema defensivo consiga subir algumas bolas, porque elas vão passar por cima, pegam muito alto, forte. Mas é bom, é bom passar por esses perrengues, tudo isso é o que a gente quer para exatamente saber onde temos que evoluir”, completou o comandante do time verde e amarelo.

Fonte: Gazeta Esportiva



COMENTÁRIOS mode_comment