CONTRA O LONDRINA

Paysandu: Promessa de um time com mais pegada

POSTADO EM: Quinta-Feira, 09/08/2018, 09:46:54
ATUALIZADO EM: 09/08/2018, 09:53:03

zoom_out_map
Fernando Torres/Paysandu

O técnico Guilherme Alves já faz planos para o próximo jogo do Paysandu, contra o Londrina-PR. O fato de ter mais de uma semana para preparar sua equipe é festejado pelo treinador. “É bom que nós vamos ter dez dias (para o próximo jogo), porque nós iremos mudar bastante”, salientou. As mudanças cogitadas pelo comandante bicolor são para que o time ganhe mais poder de fogo jogando fora de Belém. “Nós estamos querendo colocar um time bom, forte tecnicamente, para poder jogar. Se não jogar (bem), vamos jogar por uma bola”, explicou.

O treinador antecipou que pretende montar uma equipe mais pegadora, com um poder de neutralização do adversário mais eficiente do que foi na goleada sofrida frente à Ponte Preta. “Vamos tirar mais jogadores de qualidade, de técnica e colocar mais de marcação”, adiantou. Alves destacou que tem nas mãos a responsabilidade pela atuação da equipe. “A responsabilidade é minha, mas também é minha de perceber a hora de mudar. E agora é hora. Não só um ou dois, mas mudar mais”, comentou. 

Alves antecipou a escalação do lateral-esquerdo Guilherme Alves, que cumpriu os últimos dos seis jogos de punição pela confusão em que se envolveu quando estava no futebol do Japão. “O Guilherme Santos não pode ficar fora da equipe. É um jogador diferente”, avisou. Mas, o técnico descartou a saída do atual titular da posição, Diego Matos. “Mas tirar o Diego, hoje, é difícil. Porque enquanto esse menino tiver a atitude que vem tendo, não dá para tirar”, disse, prometendo encontrar uma brecha para Santos na equipe.

Aqui você vai encontrar materiais esportivos de todas as marcas. Camisas de grandes clubes nacionais e internacionais. Acesse e confira!

(Nildo Lima/DIário do Pará)



COMENTÁRIOS mode_comment