CONJUNTO

Artilheiro bicolor divide a responsa com os companheiros

POSTADO EM: Quarta-Feira, 16/05/2018, 08:00:38
ATUALIZADO EM: 16/05/2018, 08:01:02

zoom_out_map
Fernando Torres/Paysandu

Embora reconheça viver a melhor fase de sua carreira, fazendo aquilo que mais se espera de um atacante, os gols, Cassiano segue afirmando que não ambiciona a artilharia máxima do Paysandu na temporada e que o mais importante é ver o time bicolor vencendo, independente de quem balance a rede dos adversários. Ontem, na Curuzu, o jogador voltou a expor o mesmo pensamento. “A artilharia está em segundo plano. O foco hoje é o título da Copa Verde”, declarou, quando questionado sobre o assunto. Em seguida, ele ressaltou a importância dos companheiros para a marca de 16 gols que ostenta no momento.

 “Sempre digo não sou artilheiro sozinho. Preciso muito de meus companheiros. É graças a eles que estou conseguindo fazer os gols”, observou o atacante, que disse esperar um adversário aguerrido e disposto a surpreender hoje. “Sabemos que a equipe deles é de ótima qualidade e que vem pra cima mesmo”, previu. “Temos de saber jogar esse jogo. Será importante termos a posse de bola e tentar fazer gol para ficarmos ainda mais tranquilos na partida”, ensinou Cassiano.
O fato de o torcedor bicolor ter esgotado todos os ingressos, segundo o jogador, faz com que a responsabilidade do time aumente ainda mais. “A gente fica muito feliz. Isso nos deixa ainda mais focados para que não ocorram erros e o time possa fazer o resultado dentro de casa”, diz.

(Nildo Lima/DIário do Pará)



COMENTÁRIOS mode_comment