TERCEIRONA

Embalado pelo título, elenco azulino aposta em boa estreia na Série C

POSTADO EM: Sábado, 14/04/2018, 11:54:08
ATUALIZADO EM: 14/04/2018, 11:54:08

zoom_out_map
Irene Almeida/Diário do Pará

Na próxima segunda-feira (16), o Clube do Remo dará o pontapé inicial na sua principal caminhada nessa temporada: a disputa do Campeonato Brasileiro da Série C. Os azulinos não escondem as ambições na competição, sobretudo com o acesso à Segunda Divisão do Nacional, algo encarado como obrigação pelo grupo de jogadores e comissão técnica. 

O desejo da equipe, aliás, fica ainda mais intenso, pelo fato de que nas duas últimas participações da agremiação na Terceirona, em 2016 e 2017, o Leão bateu na trave, ao perder a chance da classificação nas rodadas finais da etapa classificatória. Dessa maneira, conforme os profissionais, a meta nesse primeiro momento na fase de grupos é somar o máximo possível de pontos em casa e abiscoitar, também, fora de seus domínios. E já como visitante, o Remo irá estrear nessa edição do certame diante do Atlético-AC, na Arena da Floresta. Em caso de um triunfo, o Leão, além de começar com o pé direito, encerra estatísticas indigestas em estreias na Série C.

Ao contar com essa edição, o Remo irá para a sua quinta participação na Terceirona, sendo quatro delas debutando fora de casa. E, nas três primeiras oportunidades como visitante, o time não passou de um empate. Para o elenco atual remista, a competição será, talvez, a mais difícil desde que a equipe retornou a mesma. Sendo assim, pontuar logo de cara, dá tranquilidade e impõe o cartão de visitas azulino como um dos favoritos. 

“É o objetivo principal da temporada. Sabemos que a Série C desse ano está muito complicada, têm times de tradição assim como o Remo. Não vamos fugir da nossa responsabilidade. É continuar com o foco, já que pontuar nessa Série C é de suma importância, porque sabemos que o Remo entra como favorito e, como tal, temos que agir”, avalia o lateral Levy.

MANTER O RITMO

Desse modo, o intuito dos azulinos é manter a pegada adquirida na reta final do Campeonato Paraense. Por isso, fora de casa, os jogadores destacam que tal comportamento será importante para primeira vitória no certame e para minimizar surpresas do rival. “Eu não tenho dúvida que eles vão entrar como franco-atiradores”, completou o ala.

VOLANTE INICIA COMPETIÇÃO NACIONAL NO TIME PRINCIPAL

Após perder a vaga de titular na cabeça de área do setor defensivo do Clube do Remo para o companheiro Felipe Recife, o volante Fernandes terá a oportunidade de começar a principal competição da equipe, a Série C, no time principal. A escalação do profissional, vai além da recuperação de Recife, vetado por recuperação de um trauma no tornozelo. Fernandes apareceu bem nas partidas decisivas do Estadual, sobretudo nas duas vitórias nas finais diante do Paysandu, como peça de ligação entre a defesa e o ataque.

Inclusive Fernandes, nas suas primeiras aparições com a camisa azulina, apareceu como fator surpresa, por suas chegadas ofensivas incisivas. Para o atleta, esse é um dos passos para o começo positivo do Leão na Terceirona. “Acho que é sempre procurar fazer mais do que a sua função. Cada companheiro da equipe procura fazer isso, não se limitar as áreas do campo para ajudar. A competição é difícil, mas tem os seus caminhos. É se doar ao máximo”, disse o volante que não esconde o nervosismo. “Com certeza dá aquele frio na barriga”, admite.

(Matheus Miranda/Diário do Pará)



COMENTÁRIOS mode_comment