NOVELA

Em reviravolta surpreendente, Nádia vira 'empregada' de Raquel: 'Vai me servir'

POSTADO EM: Quinta-Feira, 11/01/2018, 11:52:06
ATUALIZADO EM: 11/01/2018, 11:53:26

zoom_out_map
Reprodução

O jogo vai virar nos próximos capítulos da novela "O Outro Lado do Paraíso". Raquel (Erika Januza) vai sofrer um acidente grave, a mando de Sophia (Marieta Severo) e ficará paraplégica. A juíza vai se abrigar na casa de Bruno (Caio Paduan) e terá a sogra Nádia (Eliane Giardini) como “empregada”.

“Entre, Raquel querida. Estou aqui para dar todo meu apoio”, dirá a dona da casa, sendo obrigada a receber a moça. Encafifada, Raquel perguntará onde ficará e dirá não se importar em se alojar no seu antigo quarto, o de empregada. “Imagina, aquele é o quarto da senzala. Desculpe, foi maneira de dizer”, falará a dona do salão.

Depois de instalada, Raquel se surpreenderá com o tratamento recebido e dirá que se sente um princesa no local. Nádia ouvirá e já destilará o seu veneno. “Trouxe um lanche para você. Ouvi quando disse que se sentia uma princesa. Quem diria, não é? Eu, servindo uma negra do quilombo”, provocará.

“O mundo dá voltas. Eu sei que não está feliz, dona Nádia, por ter que me suportar. Mas eu vim porque preciso e porque o Bruno insistiu. Já que estou aqui, vou me cuidar, me recuperar. Ficar boa. A senhora, goste ou não, tem que me engolir. Pode me chamar de negra, eu tenho orgulho de ser negra. A senhora é que não devia ter orgulho por ser racista. Já que estou aqui, espero que cozinhe muito bem. Vai me servir”, retrucará a juíza de Palmas.

Em uma outra oportunidade, Nádia levará o jantar para a noiva do filho e se ofenderá com a impressão de Raquel sobre a comida dela. “Parece não, é? Lembra-se? Quando você trabalhava aqui como faxineira, eu mesma fazia questão de cozinhar. Sempre tive mãos de fada na cozinha”, dirá.

“Ah, sim. Foi antes de eu estudar e passar no concurso para juíza. Trabalhei como faxineira e tenho muito orgulho. Adorei que a senhora comprou o salão. Assim tem alguma coisa que fazer além de cuidar da vida dos outros”, rebaterá mais uma vez a juíza.

Alfinetando, Raquel vai elogiar o bom tratamento recebido. “Já disse que a senhora está me tratando muito bem?”, perguntará ela. “Não disse, mas se é o que pensa, saiba que adoro você. Sonho com o dia em que se casará com meu filho”, falará Nádia, em tom de deboche. “Não minta mais que é pecado. Pode cair um raio na sua cabeça”, avisa Raquel.

(Com informações da TV Foco)



COMENTÁRIOS mode_comment