INSCREVA-SE!

Festival da Música Popular Paraense: inscrições encerram dia 5 de outubro

POSTADO EM: Sexta-Feira, 21/09/2018, 11:40:11
ATUALIZADO EM: 04/10/2018, 08:33:00

zoom_out_map
Marco Santos/Diário do Pará

As inscrições para a 10ª edição do Festival de Música Popular Paraense encerram no dia 5 de outubro. O evento promovido pelo grupo RBA, com apoio da Vale, reúne talentos de todo o Pará.

O regulamento completo e a ficha de inscrição estarão disponíveis no local da inscrição e também disponíveis no site.

A grande final está programada para o dia 29 de novembro, na Assembleia Paraense, em Belém, com transmissão ao vivo pela RBATV. Os três primeiros colocados levarão os prêmios de R$ 15 mil, R$ 10 mil e R$ 8 mil, respectivamente. Também serão premiados o melhor arranjo e melhor intérprete, levando R$ 3 mil cada.

ELIMINATÓRIAS 

Antes da grande final, serão feitas duas eliminatórias nos dias 7 e 8 de novembro. O corpo de jurados formado por cinco pessoas será responsável pela seleção dos doze - finalistas. 

Cada candidato poderá se inscrever com uma música, de tema livre e que tenha letra e melodia originais. O candidato deverá ficar atento a todos os procedimentos exigidos para efetivar a inscrição.

De acordo com o regulamento do concurso, os candidatos deverão apresentar um envelope lacrado, contendo ficha de inscrição preenchida e assinada com letra legível e informando os dados dos compositores. Precisarão ainda apresentar um CD, DVD, ou pen drive, contendo gravação com o acompanhamento de instrumento de harmonia.

Além desses requisitos para o ato da inscrição, os participantes terão de enviar seis vias da composição digitada ou fotocopiada em papel tamanho A4, com o título e letra da música sem identificação do autor e ainda três cópias da música cifrada. Caso não seja natural do Pará, o participante deverá comprovar que reside no Estado no mínimo durante um ano. Para isso, bastará anexar uma cópia do comprovante de residência, além de uma cópia do RG e do CPF.

>

O evento surgiu há dez anos por causa da inexistência de festivais no Estado e tem como objetivo valorizar os artistas da cultura paraense. Serão premiados não apenas os nascidos no Pará, mas também os músicos radicados no Estado há pelo menos um ano.

Anualmente, são inscritos em torno de 500 candidatos no geral. Desse total, são selecionadas 24 pessoas que seguem para eliminatórias sucessivas, de onde saem 12 concorrentes. Eles vão à final, que será realizada na Assembleia Paraense, com uma grande produção, decoração e premiação.

(DOL)



COMENTÁRIOS mode_comment